Tudo Sobre Como Negociar Café [Guia 2024]

Tudo sobre como negociar café.
  • Blog
  • Trading
  • Tudo Sobre Como Negociar Café [Guia 2024]

A negociação de café é uma atividade que atrai Traders e investidores experientes. A commodity oferece uma combinação de risco e retorno, exigindo atenção a uma série de fatores, como condições climáticas e flutuações cambiais, para evitar perdas financeiras. 

Quer saber mais sobre o assunto? Siga conosco e saiba como negociar café no mercado financeiro.

Aviso

O Trading expõe você a riscos de perda financeira exponenciais. Essa atividade é adequada para pessoas experientes, com perfil de investidor arrojado e, preferencialmente, com recursos financeiros que suportem os riscos e compreendam o funcionamento dos produtos negociados.

Altamente especulativas e particularmente complexas, as transações em instrumentos de câmbio (FOREX) e contratos por diferença (CFD) estão associadas a um nível ainda mais elevado de risco devido à possibilidade de alavancagem das posições.

Publicados para fins educacionais, os conteúdos do NewTrading não são, em nenhum caso, um aconselhamento em investimentos nem uma incitação a comprar ou vender ativos financeiros.

Neste guia, você terá acesso às principais informações sobre o mercado de café, assim como os benefícios e os riscos de negociar essa commodity agrícola. 

Conhecendo o mercado de café

O mercado de café é uma das cadeias agroindustriais mais importantes do mundo, que envolve desde pequenos agricultores até grandes empresas multinacionais. 

Existem dois tipos de café comercializados no mercado financeiro: o café Arábica, geralmente considerado de melhor qualidade e, portanto, com preços mais altos; e o café Robusta, com mais cafeína, porém menos valorizado. 

Ambos são mais comumente negociados em bolsas de commodities, como a Bolsa de Nova York (NYMEX), a Bolsa de Mercadorias e Futuros da B3 (BM&F), a Bolsa de Londres (ICE Europe)

Elas oferecem contratos futuros de café e opções que permitem a negociação de preços para entrega futura. Há também o mercado spot, no qual os produtores vendem diretamente aos compradores.

Segundo a Food and Agriculture Organization of the United Nations (FAO), o Brasil, o Vietnã e a Colômbia são os maiores produtores de café, enquanto a União Europeia e os Estados Unidos são os principais consumidores e importadores globais da commodity.

Em 2021/22, a produção global de café diminuiu 1,4% (165,8 milhões de sacas), devido à produção fora de bienal e a fatores climáticos desfavoráveis em várias regiões, como a escassez de chuva. Já o consumo, aumentou 4,2% (175,6 milhões de sacas). 

Para o ano cafeeiro 2022/23, espera-se que a produção recupere 1,7% (171,3 milhões de sacas), enquanto o consumo deve continuar crescendo, mas a uma taxa mais lenta, estimada em 1,7% (178,5 milhões de sacas de café), conforme o relatório semestral da Organização Internacional do Café (IOC).

A importância do café na economia mundial

O café desempenha um papel fundamental na economia global. Muitos países em desenvolvimento dependem fortemente das exportações da commodity para gerar receita, ajudando a equilibrar as suas balanças comerciais.

A demanda constante pelo café impulsiona a produção e o comércio, tornando-o um dos produtos agrícolas mais comercializados no mundo. Em paralelo, isso contribui para a criação de milhões de empregos em toda a cadeia de produção do café.

Como funciona a cotação do café?

A cotação do café é determinada por uma série de fatores, incluindo a oferta e demanda, condições climáticas, cenários políticos e econômicos, como os níveis de inflação, as oscilações das taxas de câmbio e as condições de mercado.

Uma safra robusta, por exemplo, pode levar a um excesso de oferta, pressionando os preços para baixo. Da mesma forma, eventos como secas ou pragas podem reduzir a produção e impulsionar os preços para cima.

Isso explica porque os Traders devem monitorar os relatórios de safras, os indicadores econômicos e até eventos climáticos em regiões produtoras que podem afetar a produção da commodity

As oscilações de preços muitas vezes seguem padrões de comportamento do mercado, como tendências de alta ou de baixa

Neste caso, os Traders podem utilizar análises gráficas, bem como indicadores técnicos, como as médias móveis ou o Índice de Força Relativa (RSI), para prever e explorar esses movimentos.

Formas de negociar café nos mercados

O café pode ser negociado de várias maneiras nos mercados financeiros e com diferentes níveis de risco. A seguir, conheça algumas das principais formas:

  • Contratos futuros de café. Esses instrumentos financeiros permitem que os Traders especulem sobre os preços futuros do café, assumindo posições longas (compra) ou curtas (venda) com base em suas expectativas. 
  • Contratos de opções. Através desses derivativos, os Traders podem fazer apostas direcionais sobre o preço do café utilizando um volume financeiro menor.
  • Exchange Traded Funds (ETFs). Eles acompanham o preço do café ou de uma cesta de commodities que incluem o café, permitindo que os investidores participem das oscilações de preço. Trata-se de uma boa alternativa para investidores iniciantes ou com horizonte de longo prazo.
  • Ações de empresas do setor cafeeiro. Esses ativos são outra forma de se expor ao mercado de café, ainda que indiretamente. Starbucks Corporation (SBUX), Nestlé SA (NESN) e J.M. Smucker Company (SJM) são algumas das maiores empresas do setor.
  • Contratos por Diferença (CFDs). Esses papéis possibilitam que Traders ou investidores especulem sobre o preço do café em curto espaço de tempo. Contudo, os CFDs são recomendados apenas para aqueles com perfil agressivo.

Vale destacar que a escolha dos ativos deve ser baseada no seu perfil de risco, assim como nos seus objetivos e horizonte de investimento.

Feito isso, é necessário definir a estratégia que deseja seguir e escolher a melhor plataforma de Trading para realizar as suas operações.

Por que negociar café?

Negociar café nos mercados financeiros oferece inúmeros benefícios para Traders e investidores, incluindo:

  • Diversificação do portfólio 

O café é uma classe de ativos que pode ter uma menor correlação com ativos financeiros tradicionais, como ações e títulos. Ao utilizá-lo, os investidores diversificam o portfólio e reduzem o risco global do seu portfólio.

  • Potencial de lucro

A volatilidade do mercado de café pode oferecer oportunidades de lucro significativas para Traders que sabem como aproveitar esses movimentos de preços.

  • Instrumento de hedging

Commodities como o café podem ser usadas como um hedge contra a inflação ou incertezas econômicas. A negociação de futuros de café também ajuda a proteger produtores e empresas do setor das oscilações inesperadas nos preços da commodity.

  • Liquidez

Os contratos futuros de café costumam ser bastante líquidos, o que significa que os Traders conseguem entrar e sair de suas posições com uma certa facilidade.

Quais os riscos de negociar café?

A negociação de café está sujeita a riscos, seja no mercado à vista ou no mercado futuro. A seguir, confira alguns dos principais:

  • Alta volatilidade dos preços, causada pelas flutuações na oferta e demanda, pelos fatores climáticos, políticos e econômicos.
  • Risco de contraparte, que corresponde a possibilidade da contraparte não cumprir as suas obrigações em uma transação, especialmente em mercados fora de bolsa de valores.
  • Uso de alavancagem, que pode aumentar o risco de perdas significativas, especialmente quando utilizada em excesso.

O que você deve lembrar sobre como negociar café?

Negociar café no mercado financeiro é uma atividade que pode ser lucrativa, mas que também envolve riscos. 

Portanto, antes de começar a negociar, procure entender os fatores que influenciam os preços do café e desenvolva uma estratégia de negociação alinhada aos seus objetivos e perfil de risco.

Em caso de dúvidas, procure ajuda de profissionais do mercado e evite perdas financeiras. Lembre-se que o mercado de café exige conhecimento e técnica.

Quer saber mais sobre o mercado financeiro? Então continue acompanhando a NewTrading e amplie o seu conhecimento. 

Aproveite e saiba como negociar outras commodities, como o ouro, o cobre e a prata.

author

Karoline LIMA

Entusiasta do mundo das finanças, Karoline atua há 14 anos no mercado financeiro, passando por diversas áreas como backoffice, atendimento ao cliente, assessoria de investimentos e relacionamento com investidores. Hoje lead copywriter na Syntax Finance, Karoline transforma todo o conhecimento adquirido nas grandes casas por onde passou em conteúdos de alta performance.

Conteúdos para ir mais longe

O que é Trading? [Guia do Trader iniciante de 2024]

Tudo o que você precisa saber sobre o Trading

O Trading consiste na compra e venda de ativos no mercado financeiro. Siga conosco neste guia gratuito destinado aos Traders.

25/02/2024
10 principais índices mundiais

10 principais índices mundiais

Você tem curiosidade em saber quais são os principais índices mundiais? Então você está no melhor conteúdo sobre o assunto..

23/02/2024
20 principais bolsas de valores no mundo

20 principais bolsas de valores no mundo

Tem interesse em descobrir quais são as principais bolsas de valores no mundo? Siga o texto e confira a coletânea.

23/02/2024